Sam e Rowena juntos??
Mais vídeos de Vingadores: Era de Ultron!!
Maria Hill Retorna em Agents of SHIELD
iZombie- bebendo Cérebro de canudinho!
Klaus sendo Klaus!

Tag: ‘review’

Sem decepcionar, Gotham segue bem, com episódios bons e que sempre deixam aquele “gostinho de quero mais”. O episódio Penguin’s Umbrella continua sendo um dos melhores da temporada (destaque para Robin Lord Taylor, que dá um show de atuação e rouba a cena sempre com seu divertido, malvado e medroso Oswald Cobblepot), mas The Scarecrow trouxe finalmente o que muitos fãs esperavam desde os primeiros episódios: o encontro de dos melhores vilões do universo Batman, Pinguim e Charada! E, galera…que encontro!

Se no episódio anterior, The Fearsome Dr. Crane, fomos apresentados à Dr. Crane e sua obcessão pelo medo nos seres humanos, nesse episódio somos jogados em cima do personagem, descobrindo suas motivações e seu passado, e somos ainda introduzidos à seu filho, Jonathan Crane, que futuramente se tornará o vilão Scarecrow.
Enquanto o lunático Crane sequestra e mata suas vítimas, todas com alguma fobia, Detetive Gordon e Bullock tentam pará-lo, mas Gordon tem outra preocupação além dessa, o fato de que a Doutora Thompkins, seu atual interesse amoroso (aliás, Barbara deu uma sumida, ainda bem) é a nova médica legista do Departamento de Polícia de Gotham. Como vai ser trabalhar no mesmo local que a doutora? Ele deve evitar beijinhos no horário de trabalho? Gordon tenta achar as respostas enquanto Bullock cuida do alívio cômico da situação.
Em paralelo, no mesmo Departamento de Polícia onde os detetives se esforçam para achar um assassino, acontece finalmente um dos momentos mais esperados da série: THE PENGUIM MEETS THE RIDDLER! Numa cena engraçada, leve e divertida, somos presenteados com um diálogo entre Oswald e Nygma, ambos muito bem em cena, Oswald com um ar imponente, e Nygma curioso e peculiar, como sempre.
Acompanhamos a chegada de Fish Mooney (após a mesma sair de Gotham) a uma prisão subterrânea cheia de mistérios, que parece ter aberto mais um núcleo na série, e conhecemos um lado ainda mais badass da personagem, que mais uma vez mostra que não está para brincadeiras e que nasceu para estar no comando. Dá-lhe, Fish! Eu amo odiar você!
Temos ainda, uma das partes mais interessantes do episódio, a conversa entre Maroni e Falcone sobre o destino de Pinguim. Dois mafiosos, inimigos, que tem motivos para querer matar um ao outro, estão conversando civilizadamente, elegantes e mostrando respeito ao outro. Melhor que dois inimigos caindo na porrada, são dois inimigos conversando e negociando, num clima de tensão, e melhor ainda é quando as propostas feitas são apresentadas e sua reação é: WOW!
Por último, vemos Bruce, que resolveu continuar uma antiga tradição que ele mantinha com seu pai, e vai fazer uma trilha a qual costumavam ir juntos. É aí que mais uma vez podemos observar o desenvolvimento, nem lento e nem rápido, mas na medida certa, de como Bruce Wayne aprende a testar a si mesmo e a seu corpo, e ainda, de sua relação com Alfred, o mordomo que está sempre por perto, sendo professor, amigo e quase pai de Bruce.
The Scarecrow não teve momentos cansativos, episódio bem construído e bem editado, que nos apresenta mais um vilão, enquanto outros dois se conhecem, e como todo o resto da temporada, mantém ao interesse do espectador em todos os núcleos e personagens. Que venha o Joker!

Olá pessoal, primeiramente quero pedir desculpas por não ter feito os Review dos dois primeiros episódios de Castle do ano, eu fiz uma cirurgia e fiquei alguns dias hospitalizada e ainda estou em recuperação, minhas mais sinceras desculpas.

Os episódios de Castle como Detetive particular, literalmente trouxeram uma nova dinâmica para a série, eu estou adorando esses episódios, sei que eles devem estar acabando, porém não posso negar foi uma jogada de mestre, uma grande ideia que esta nos proporcionando episódios deliciosos.
O episódio da semana foi bastante interessante, eu particularmente adorei o caso, relembrou bastante as temporadas passadas da série, um caso envolvente e cheio de reviravoltas. Castle como detetive particular, consegue ser ainda mais teimoso, curioso e persuasivo e isso me encanta,

Literalmente o caso foi de fazer qualquer ficar preso e não tirar os olhos da telinha, tudo indicava que o culpado era o marido e uma trauma onde Castle era enganado para se tornar testemunha de um crime foi sendo desenhada, achei muito interessante esse capitulo e mais ainda quando Cole o marido apareceu morto em o que tudo indicava que seria um suicídio, mais como eu disse Castle é teimoso e nada passa por ele e foi assim que se encontrou o verdadeiro assassino a advogada. Um ótimo capitulo, com uma dinâmica fantástica.

O ultimo capitulo foi muito bom e com um final fofo, mais o próximo será de muita tensão, com direito a volta de 3XK, seu coração esta preparado?

O meu não está!

Prepare-se, pois a promo já está eletrizante.

Créditos do Vídeo – Castle & Beckett Brasil.

Até a próxima semana pessoal.